Bem Vindos !



A LUZ Da CITÂNIA

Bem Vindos tôdos(as) os que Amam a Lusitânia , tôdos(as) os que Amam Portugal. Estejam á Vontade nesta humilde casa , aonde podem Descansar junto á Lareira do Coração... Do que aqui poderão encontrar, nada vos levará ao sôno da Inconsciência, mas, tal como diz o Nosso Pôvo na sua Sabedoria Milenar, «Não se pode agradar a Grêgos e a Trioânos...». Assim, nem tôdos concordarão com o que aqui está Escrito, mas tudo o que é aqui Dito, foi ( e é) Vivido por mim, Muito embora tantas e tantas vêzes sentido,pensado e escrito por outros/as, outros/as com os/as quais me Identifico, no sentido essencial e mais vasto, porque Irmanados no Passado, no Presente e no Destino Luminôso de Portugal, O Pôrto-Do-Graal.
Poder-se-á Falar aqui de várias tradições espirituais, uma vez que Dêus é só UM, mas a minha, a Nossa Tradição, a de Portugal, é Cristã. Quando me refiro a Cristã, não me refiro a qualquer instituição religiosa organizada, mas á Vivência da Tradição Original Cristã,
Aquela que nos foi Legada por Cristo, o nosso Amado Senhôr. Uma Coisa é Certa: Aqui Amamos a Dêus, o nosso PAI Celestial , a Jesus Cristo, o Seu Filho Dilecto e o nosso Redentôr, á Sua Mãe, a Virgem Mãe Santíssima, e ao Seu Santo Espírito , o Verbo Criadôr,
Porque Êsse Foi( É) o Amôr e A Razão da Existência de Portugal, e o seu Destino Maior.
Nêste pequenino rinchão Rectangular Ancestral de Tamanho Mundial, nêste Balcão que Mira o Atlântico profundo, Portugal aguarda o Regresso da sua Mãe Ancestral, A Atlântida, á Luz da Vastidão do Luso Mar... Por isso mêsmo, não meçam o que aqui vêem, ou ouvem, ou sentem, limitando-vos ás Aparências... A Realidade por Detrás das Aparências, Quer Levar-nos para mais Longe e para Mais Alto...
E como, a Lusitânia da nossa Alma , não tem medida , a nossa querida Mãe do Céu e da Terra não SE Limita, também não existem limites Aqui na Luz da Citânia... o único Limite, se assim me posso expressar, é Ilimitado, Um Rumo Inalterado que nos leva de volta a Cristo. Cristo, não como um conceito vago, ou como religião limitativa, mas como o Verbo Encarnado , o Senhôr e Rey de Portugal e a Génese Espiritual e Existencial Desta Terra de Santa Maria. Santa Maria que É A Luz da Citânia, ou A Terra da LUZ Divina, onde A Mãe Celestial Estabeleceu o Seu Trôno Terreal.
Aqui Ela Está presente há muitos séculos, Algo que o nosso Primeiro Rey, Dom Afonso Henriques, Abençoado por Jesus Cristo na Batalha de Ourique(Abençoando Assim Portugal!), Reconheceu dêsde a primeira Hora da Nação.

Pesquisar neste blogue

03/05/2011

O declínio das abelhas é um Perigo mundial !

 
Einstein disse : "Se as abelhas desaparecerem da face da terra o Homem terá apenas 4 anos de vida..." 
 

Abelha (Apis mellifera) a preparar-se para recolher o néctar

 e colmeias repletas de mel.

( Sem abelhas não há polinização, sem polinização não há plantas, sem plantas não há animais...o Homem terá o mesmo destino. )

Imagens cada vez menos frequentes nas nossas serras:
Nos últimos anos e de forma inexplicável as populações mundiais de Abelha (Apis mellifera) têm diminuído acentuadamente sem que se conheçam as causas para tal situação.
Em Portugal, Espanha, Itália, Grécia, Estados Unidos ou Argentina as abelhas saem da colmeia para recolher o néctar e não voltam à colónia, desaparecendo simplesmente sem deixar rasto.
Entre as explicações avançadas para tal declínio encontram-se a diminuição da biodiversidade botânica, a seca provocada pelas alterações climáticas, a existência de parasitas agressivos que infectam estes insectos ou as radiações emitidas por antenas de telemóvel ou cabos de alta tensão que eventualmente interferem com o sistema de navegação das abelhas e impedem o seu regresso às colmeias.
Seja qual for a causa, a verdade é que o seu desaparecimento teria enormes repercussões no mundo tal como hoje o conhecemos. Em vastas áreas as abelhas constituem o único polinizador conhecido pelo que a sua ausência poderia levar a uma perda de mais de 30% da biodiversidade. Para bem da Humanidade esperemos que esta regressão populacional se inverta rapidamente e que tal previsão nunca se concretize...

Sem comentários :

Enviar um comentário